sábado, 21 de novembro de 2009

Já foi tarde virgindade



Operei, ganhei minha txchuca e agora? Como e quando fazer? Técnicamente, em três meses. Mas, leva mais tempo. KY sempre a mão. Paciência e acima de tudo, um parceiro fantástico.

Minha cicatrização não foi das melhores, levou quase um ano para estar cicatrizada e utilizável e nesta época que tive a fissura anal (já citada no POST ) o que também atrapalhava o sexo, de qualquer maneira, pois o txchuca e o marquês, são muito próximos.

O ponto de sensibilidade alta, fica no fundo da neovagina, ultrassensível e portanto, seu namorado/parceiro/noivo precisa ter uma boa ferramenta e se esforçar para chegar lá! Se for calibre forte (grosso), dificulta um pouco, afinal, a neovagina não é elástica como uma txchuca normal, a lubrificaçao precisa ser repassada umas 2x durante o sexo para não machucar nem um, nem outro, as posições também variam a sensação de prazer e a facilidade da penetração.

A cada 15 dias, faço uso de uma pomada estrogênica (lembro nome não) que 'dizem' ser boa para lubrificação e alteração do tecido ao longo dos anos, ou seja, a longo prazo, portanto, em qse 3 anos de cirurgia, não notei avanços com o seu uso, mas em todo caso, uso sim!

E o prazer, é igual? Igual ou melhor! Pois a sensibilidade orgasmática agora, ficou tanto na neovagina quanto ao marquês, pois toda a estrutura de nervos, ficou alojada numa posição que tem duplo contato, dificil explicar aqui, mas é deliciosamente melhor rs!

Mas pra mim, o sexo é mais do que o orgasmo, do que o 'gozar', gozar é mais do que 'produzir liquidozinho', gozar está na cabeça, na relação, no parceiro, só de poder se deitar na cama relaxada e sem vergonha (nos dois sentidos) , sentir cada parte, cada pedaço seu, ali, é extremamente libertador, é como se a cada sexo você fizesse um YES ao universo, um YES, I CAN!

7 comentários:

Anônimo disse...

Querida Sarah, obrigada pelas informações tão úteis. A apresentação do meu trabalho foi um sucesso. E lógico... vc foi citada com mto carinho!
Bju viu...
Jaqueline

Laura disse...

sexo é um conjunto de muitas coisas...orgasmo é só uma delas...claro que particularmente eu acho a melhor parte, mas todo o processo é alucinantemente prazeiroso, ainda mais com alguém que a gente deseja muito e ama, né?

Amanda Rocha disse...

Oi Sarah
Sempre acompanho o seu blog, embora não tenha comentado muito ultimamente. Mas fico feliz ao saber de tudo de bom que está acontecendo, o noivado, os implan tes de silicone. Torço muito por vc!!
Bjs.

Sarah disse...

Jaqueline,
que bom que deu tdo certo, fico feliz em ter ajudado, no minimo q seja!
beijos!
.....................
Laura,
sem duvida, disse tudo e assinou embaixo rs!
.....................
Amanda,
que bom q vc ta sempre por aki! e tb to sempre por la! espero q corra tdo bem pra vc! boa sorte!

Sereia Adri disse...

Hummmmmm, é libertador mesmo se abrir e se entregar ao amado sem medo de ser feliz. É o verdadeiro segundo nascimento físico (a prova dos nove da cirurgia)... o ressurgimento da Fênix. Amei este post. Bjs!!

Andreia disse...

Boa noite! :)

Bem, mas isso é assim tão bom? -fala a inexperiente-

Ainda estou para descobrir essa maravilha :P
No entanto, ainda faltam uns anos para que isso seja possível xP

Beijinhos!

O Maltrapa disse...

Sem palavras... Sensibilidade total! Viva a vida bem vivida, Sarah!

beijão,

O Maltrapa

Related Posts with Thumbnails