domingo, 7 de março de 2010

Menina Mulher Mãe


Dia das mulheres é simbolico, comercial, bla bla whiskas sache! Mas dizem que tem lá seu fundo real e dramático (o que eu não sei se é mesmo ou apenas lenda). Mas que durante um protesto de operárias em uma fábrica, elas foram trancadas no galpão e atearam fogo e todas acabaram mortas.

Mulheres desde sempre tão ali, se matando pra obter os mesmos direitos, acabar com "isso é coisa de homem" ou "aqui só pode trabalhar homem" ou vermos homens incompetentes assumirem posições que seriam de mulheres experientes mas que não caem bem na posição de chefia pela visão de alguns outros homens.

Aquele papo de homem reclamar da gente, mulher que é chata, mulher que é ciumenta, mulher que é dramática e minha resposta de sempre "Se mulher ta incomodando tanto, parte pra homem". Né não?

Sempre ouvi e soube de tudo isso, vi filmes, li livros e mesmo apesar de tudo, eu sempre soube e lutei pra ser quem sou. Mudei minha vida e dos meus, de ponta cabeça, não aceitei viver na mentira e na tristeza, não tolerei que tudo fosse uma fachada de infelicidade.

Minhas dificuldades são maiores que de outras mulheres? Hoje não, não mesmo. Tenho prioridade no barco na hora do naufrágio, barco por sinal que é o mesmo de todas, as lutas também e o que importa é a força que você vai ter pra encarar os tapas na cara, afinal, lições fortes só são dadas a mulheres fortes.

Menina nunca fui; Mulher sou; e Mãe serei.

3 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns, Sarah!! Você, como todas, merece!!

Karen disse...

Feliz dia da mulher! Adorei o post!

Beijos!

Luh disse...

Lindíssimo! =D
Parabéns!

Related Posts with Thumbnails