segunda-feira, 18 de outubro de 2010

As lições benéficas do fracasso


"Em primeiro lugar, gostaria de dizer ‘muito obrigada’, não apenas por estar recebendo a honra de abrir esta formatura em Harvard, mas também as semanas de medo e de náuseas que me fizeram perder peso.

Na verdade, eu quebrei a cabeça e o coração para descobrir sobre o que eu iria falar aqui hoje, me perguntei sobre o que eu gostaria de ter ouvido na minha formatura, quais lições importantes eu aprendi nesse intervalo de 21 anos, entre aquele dia e este. E neste dia maravilhoso de celebração e sucesso acadêmico, eu decidi falar sobre os benefícios do fracasso.

O fato de vocês estarem se formando em Harvard sugere que vocês não estão lá muito acostumados com o fracasso. Vocês devem sim é ser perseguidos pelo medo dele, talvez tanto quanto o desejo pelo sucesso. Na verdade, sua concepção do fracasso não deve ser tão palpável, assim como para a maioria das pessoas comuns, é a idéia do sucesso, afinal, você já chegou tão longe.

Ultimamente, temos que decidir por nós mesmos o que seria o fracasso, mas se você quiser, o mundo tem uma idéia bem pronta a respeito. Então, acho justo dizer, que nos sete anos após a minha graduação eu falhei repetitivamente. Um casamento excepcionalmente curto que desmoronou, sem emprego, mãe solteira, e mais pobre do que se pode estar na Grã-bretanha, por sorte com um teto para dormir. O medo que meus pais tinham por mim, e o meu medo, ambos se tornaram realidade, e em todos os meios, eu era a maior fracassada que eu conhecia.

Mas, eu não vou chegar aqui e dizer que fracassar é divertido. Este período da minha vida foi o pior de todos, e eu não fazia idéia, de que o que a imprensa chama de ‘o conto de fadas’, iría acontecer. Eu não tinha idéia do quanto aquele buraco ia aumentar, e por muito tempo, a luz no fim do túnel era mais uma esperança do que uma realidade.

Então porque eu decidi falar sobre os benefícios do fracasso? Simplesmente porque o fracasso significa deixar para trás o que não é essencial. Eu parei de fingir para mim mesma que eu era algo que não era, e comecei a redirecionar toda a minha energia para terminar a única coisa que importava pra mim. Tive eu sucesso em mais alguma coisa? Eu nunca conseguiria ter sucesso em outra área, que não aquela que eu acreditasse e pertencesse. Eu estava livre, pois meu grande medo tinha se realizado, e eu continuava viva, tinha uma filha que me adorava, uma velha maquina de escrever e uma idéia brilhante. Assim foi que o fundo do meu poço se tornou um sólido alicerce no qual reconstruí minha vida.

Você pode nunca fracassar do jeito que eu fracassei, mas alguns fracassos são inevitáveis. É impossível viver sem falhar em alguma coisa, a menos que você viva tão cuidadosamente, que você não viverá de verdade, e desta forma, terá falhado da mesma maneira.

O fracasso me deu uma auto-segurança que eu nunca obtive passando nos exames finais. O fracasso me ensinou coisas sobre mim mesma, que eu não poderia ter aprendido de outra forma. Eu descobri que tenho uma força de vontade enorme e mais disciplina do que imaginava. Eu também descobri que tenho amigos, que são mais valiosos que rubis.

Saber que você está mais inteligente e mais forte do que antes dos reveses da vida, significa que, depois de tudo, seu instinto de sobrevivência estará fortalecido. Você nunca conhecerá a si mesmo, ou sua força, ou seu relacionamento, até que as adversidades sejam testadas. Tal conhecimento é um verdadeiro presente, que tudo que dói ensina, e que valeu mais do que qualquer coisa que eu já recebi."

J.K. Rowling, 5 Junho 2008.

A bilionária escritora, autora da série Harry Potter, considerada a mulher mais influente da Grã-Bretanha.
Para ler o texto completo em inglês
CLIQUE AQUI
Para ver o vídeo da leitura, veja abaixo.


*Texto adaptado e traduzido pela blogueira.

5 comentários:

Jack vestida de loba e uivando...ou balindo? disse...

E quem nessa vida não fracassa em Sarah? E quem não sofre de medo, pelo menos uma vez? Não acho bom saber que acontece com todos. Mas acontece! E hoje em dia, me sinto mais "normal". Rs. Deixar o passado ruim para trás e tentar rotas diferentes certo querida? Avante! Serve para todos nós!
Beijo grande amiga!

Páginas Da Minha Vida disse...

Sarah,fiquei encantada com o texto dela! e olha como são as coisas, não? um dia ela se viu fracassada,e no outro ,lá em cima!

sou suspeita para falar dela, sou uma HarryPottermaníaca, e fico louca com esse dom que ela tem : de encantar os outros com sua escrita, suas obras.Para mim, o dom da escrita, é o mais invejável.não tem nada mais mágico,que fazer a pessoa viajar , se encantar, sem sair do lugar.Sou super fã da J.K .Rowlling!

adorei o post ^^

bjs

Déia disse...

O fracasso faz parte da vida. Do processo de aprendizagem, de crescimento!

Bjkas

Ana Luisa disse...

KKKKKKKKKKKKKK
mas é justamente disso que estou falando!
meu cabelo não está mais assim, não estou mais magra assim e não tenho saído (por falta de ânimo) pra nenhum lugar em que possa me maquiar lindamente!!!

oh vida
oh céus!
kkkkkkkkk

Carolina de Castro disse...

Eu amo J.K. Rowling. Eu amo Harry Potter!!!
Rsrsrsrsrs
Eu tenho quase 30 anos e não consigo deixar de gostar desse tipo de literatura!

Qto as fotos do homem grisalho, vamos combinar que eles ficam mais bonitos mesmo! Baita injustiça com nós mulheres. Por isso que temos que nos cuidar sempre! Mas realmente não dá pra negar que eles ficam bem mais charmosos!
Rsrsrsrs
Beijao

Related Posts with Thumbnails